Skip to main content
mesada para os filhos

Entenda por que e como dar mesada para os filhos

A educação financeira precisa ser ensinada desde cedo, por isso é importante que os pais deem mesada para os filhos.

A mesada é um valor combinado entre os pais para ser repassado aos filhos, com a finalidade de fazer com que eles entendam o valor do dinheiro e ensinar como utilizá-lo da maneira correta.

A partir do momento que a criança começa a receber um determinado valor periodicamente, ela passa a entender o dinheiro de forma diferente, ou seja, quanto mais cedo o seu filho começar a cuidar do seu próprio dinheiro, mais financeiramente estruturado ele será quando se tornar um adulto.

Quer entender melhor como e porque você deve dar mesada para os seus filhos? Então continue a leitura desse post e confira!

Conheça os benefícios da mesada para os filhos

Para que você possa entender por que é importante dar mesada para os filhos, separamos 3 principais benefícios pelos quais você deve investir nessa ideia. Acompanhe!

1. Ensina a criança a ter responsabilidades

Quando ainda pequenos, os filhos não têm muita responsabilidade. Sempre que precisam de alguma coisa, eles procuram os pais para falar o que querem.

Com uma mesada estipulada, eles terão a responsabilidade de administrar seu próprio dinheiro. Saberão o que podem comprar, aprenderão a olhar o preço dos produtos antes de colocar no carrinho, comparar os produtos de melhor qualidade etc.

2. Orienta sobre a necessidade de cuidar dos gastos

A mesada vai ensinar o seu filho a não gastar com coisas desnecessárias. Ele entenderá que o dinheiro deve ser usado para comprar aquilo que ele realmente precisa.

Grosso modo, ele aprenderá a fazer um controle de seus gastos e saberá que se os gastos forem excedidos no início do mês, ao final eles precisarão ser contidos.

3. Mostra o valor do dinheiro

Muitas crianças veem seus pais pagando suas contas com o cartão de crédito e acreditam que para comprar algo é “só passar o cartão” que está tudo certo, porém elas não entendem que existe uma fatura para ser paga no final do mês.

A mesada vai mostrar o valor do dinheiro, eles entenderão que se é preciso comprar um brinquedo de R$ 50,00, R$ 20,00 não será o suficiente, por isso eles terão que juntar mais dinheiro para conquistar seu objetivo.

Aprenda como calcular a mesada para os filhos

A mesada precisa ser calculada por faixa etária e ela pode ter início a partir dos 3 anos.

Enquanto ainda são pequenos (na faixa de 3 a 5 anos) é importante que a mesada não passe de R$ 2,00 por semana, pois ainda o seu filho não está familiarizado com o dinheiro.

A partir dos 6 até 10 anos, você pode usar uma regrinha para calcular a mesada, ela funciona assim: você multiplica a idade do seu filho por R$ 1,00. Por exemplo, se a criança tem 6 anos, ele receberá 6 reais por semana.

Dos 11 anos em diante, a regra para o cálculo continua a mesma, a única diferença é que você vai multiplicar a idade do seu filho por R$ 3,00. Nessa fase, é importante que você ensine-os a poupar para conquistar objetivos maiores.

Mas, é importante frisar que a mesada deve variar de acordo com o orçamento da família. Se você não tem condições de pagar o que foi estipulado aqui, o valor pode ser diminuído.

Saiba quais os cuidados que devem ser tomados com a mesada

A mesada pode ensinar muitas coisas positivas para as crianças, mas é preciso ter alguns cuidados para que eles sejam responsáveis com seus gastos.

  • não dê um valor alto demais: muito dinheiro pode levar o seu filho ao consumismo, fazendo com que ele compre produtos desnecessários;
  • não associe a mesada com a realização de tarefas: ele não pode aprender que haverá recompensas para as suas obrigações diárias (bom rendimento escolar, ajudar nas tarefas da casa etc.);
  • complementar a mesada: se o dinheiro dele acabou antes do previsto, é preciso que ele arque com as consequências, caso contrário ele não aprenderá a rever ser gastos.

A mesada para os filhos é uma excelente maneira para ensiná-los a ter uma boa gestão financeira pessoal, mas para isso você precisa ser firme e não ceder às insistências da criança. Futuramente, os seus filhos vão lhe agradecer por isso e passarão seus ensinamentos para as suas próximas gerações.

Gostou das nossas dicas? Assine agora a nossa newsletter e receba nossos conteúdos incríveis no seu e-mail.

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos





Compartilhe sua opinião com a gente

opiniões