Skip to main content
sair do aluguel

Você sabe como se planejar para sair do aluguel?

Dentre as principais despesas mensais que pesam no bolso está a moradia, e nos últimos anos o mercado imobiliário vem ficando cada vez mais caro. Desse modo, sair do aluguel pode gerar grande economia em longo prazo e qualidade de vida.

Geralmente, as pessoas ficam perdidas quanto às ações que devem ser tomadas para sair do aluguel e acabam cometendo erros de decisão. É importante que você tenha uma boa organização financeira e planejamento estratégico para evitar contratempos.

Ficou interessado? Então confira, neste artigo, algumas dicas imperdíveis que te ajudarão a sair do aluguel de uma vez por todas!

Faça uma reserva de dinheiro

Todos nós sabemos que a vida é cheia de imprevistos e quando se trata de mudanças, em que dinheiro está envolvido, temos que ser muito cuidadosos. Assim, uma reserva de capital para emergências é essencial para seus planos de sair do aluguel.

Especialistas no assunto aconselham que, o interessante é poupar cerca de 10% do seu salário mensalmente para manter-se financeiramente seguro. Essa reserva lhe ajudará a dar entrada no futuro imóvel, abatendo parte ou até todo valor!

Elabore um planejamento financeiro para sair do aluguel

Organizar-se financeiramente é o fator mais importante do seu planejamento, pois é preciso saber gerenciar seu dinheiro para impedir que os gastos saiam do controle. Dessa forma, o uso de ferramentas de gestão pessoal auxiliará na hora de fazer as contas.

Cadernos de anotações e planilhas no Excel são formas interessantes de manter sua organização financeira, porém, já existem assistentes financeiros, como o Otto Assistente, que dispõe de fácil acesso ao usuário e velocidade de informação superior.

Encontre o bairro certo para você

Escolher o local onde vai morar parece uma dica óbvia, porém, você sabe como fazer a pesquisa? Quais pontos deve observar? Buscar na internet é uma maneira prática e a região escolhida deve ter acessibilidade e atender ao seu estilo de vida.

O fator financeiro também precisa ser considerado, o custo de vida do bairro deve estar dentro da sua capacidade monetária, caso contrário, sua mudança pode custar caro.

Procure um imóvel que tenha a sua cara

O imóvel ideal é aquele que atenda suas necessidades básicas sem colocar em risco a saúde financeira. Lembre-se que você tem um plano a seguir e desviar dele pode ser perigoso.

Coloque em mente quais são seus desejos com o imóvel. Morar com a família? Sozinho? Vai passar pouco tempo em casa por conta do emprego? Essas questões lhe ajudarão a focar e acelerar sua pesquisa por imóvel e preço de maneira mais eficaz.

Use programas do governo

No mercado imobiliário existem feirões e programas do governo que incentivam pessoas a sair do aluguel e conquistar a sonhada casa própria. O auxílio do FGTS, por exemplo, pode se tornar ideal para compor seu plano de compra.

Promoções e taxas mais brandas para imóveis podem ser encontradas nas principais instituições financeiras que lidam com crédito habitacional, pesquise por sites ou procure ir às agências para tirar suas dúvidas.

Sair do aluguel é uma tarefa difícil, mas com um bom planejamento é possível alcançar o sonho da casa própria. Sua organização financeira deve ser prioridade e, para otimizar suas chances de dar certo, é recomendável a ajuda de um profissional especializado.

Gostou do conteúdo? Então, faça um teste gratuito do nosso software financeiro e coloque seus planos em prática!

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos





Compartilhe sua opinião com a gente

opiniões