Skip to main content
fazer um consórcio

Você sabe quando é interessante fazer um consórcio?

Fazer um consórcio é uma opção que costuma ser considerada por quem quer adquirir um bem, como um imóvel ou um carro, mas não dispõe do valor total para comprar o que deseja à vista.

Entre as vantagens da modalidade estão a cobrança de juros mais baixos que a de um financiamento e, ainda, é uma forma de conseguir poupar quando não há disciplina para economizar sozinho. O consórcio, por outro lado, só não é vantajoso quando a pessoa não pode esperar para adquirir o bem que deseja.

Veja as situações em que é interessante fazer um consórcio:

É possível esperar para adquirir o bem

Uma situação em que pode ser uma boa ideia fazer um consórcio é quando não há pressa para adquirir o bem. Quem quer comprar um apartamento ou trocar de veículo daqui a três ou quatro anos, por exemplo, pode fazer um consórcio caso não tenha dinheiro suficiente para pagar à vista, nem disciplina para poupar o que precisa até lá.

Durante o período, você ainda pode ter a sorte de ser sorteado e receber o que precisa para comprar  a sua casa ou o seu apartamento. Mesmo que não queira fazer a compra no momento em que for contemplado, é possível ficar com o dinheiro na conta e continuar pagando as parcelas do consórcio até o final.

Quer pagar juros mais baixos

O consórcio é uma opção interessante também para quem deseja parcelar a compra de um bem, mas não quer arcar com os juros altos de um financiamento.

Ao se tornar um cotista, você precisa pagar apenas taxa de administração e seguro. Algumas administradoras cobram ainda um fundo de reserva, mas, ainda assim, o valor total pago para receber o crédito é menor do que o de um financiamento. Isso acontece por conta dos juros mais baixos.

Precisa de disciplina para poupar

Não são poucas as pessoas que têm o sonho de comprar uma casa ou um carro, mas não conseguem guardar o dinheiro para comprar o bem à vista ou, até mesmo, dar uma entrada significativa.

Para esse grupo, fazer um consórcio pode ser uma saída interessante. Como é necessário o pagamento das parcelas todo mês, as pessoas são levadas a fazer uma espécie de poupança forçada.

Quer garantias

As regras de um consórcio são regidas por um contrato. Por isso, a modalidade é uma opção sob medida para quem quer garantias de que, em algum momento, irá adquirir o bem que deseja.

Os cotistas podem acessar o dinheiro de duas formas: pelo sorteio ou pelo lance. Na segunda opção, leva o dinheiro conjunto o participante que fizer a melhor oferta. As regras claras oferecem mais segurança para quem adere à modalidade.

Fazer um consórcio se revela uma alternativa interessante em várias situações. Considere aderir à modalidade caso não tenha pressa em adquirir um bem, e não queira arcar com os juros altos de  um financiamento.

Optar pelo consórcio também pode ser uma forma de fazer uma poupança forçada para comprar aquilo que deseja e, ainda, de ter garantias de que realmente conseguirá realizar o sonho de comprar a casa ou o carro que quer.

Gostou deste conteúdo? Assine a nossa newsletter para ter acesso em primeira mão a outros posts como este!

Otto Assistente

O Otto é um assistente financeiro virtual feito para descomplicar as suas finanças através de uma interação inteligente, fácil e prática.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *